Terra Sem Sombra | Ceridween
[Vídeo contido numa Instalação Audiovisual, 2018]
Sinopse:

Perscrutar na vida alheia retalhos da própria memória, uma memória efémera, curta, sem lastro. Uma vida/memória feita de imagens que se confundem entre o espaço privado e o público, entre o pessoal (próprio) e o alheio num mundo virtualizado (ligado por uma rede sem pele). 
Há cada vez mais “janelas” onde podemos/procuramos olhar e neste “lugar” a vivência das relações assemelha-se cada vez mais a estática, ruído visual.